Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

:) CanalSonora (:

_________________________________ a 37° 7′ 0″ N, 7° 39′ 0″W ____________________________ ~pequenos livros ~ grandes segredos ~ volumes portáteis ~ emoções resguardadas~

:) CanalSonora (:

_________________________________ a 37° 7′ 0″ N, 7° 39′ 0″W ____________________________ ~pequenos livros ~ grandes segredos ~ volumes portáteis ~ emoções resguardadas~

VAN S.a | Déjà Vu

Assim vai a tarde. chuvisca apenas, depois da tempestade de ontem. são 15h30, estão 17º, o vento sopra moderado de oeste. a aplicação localiza-nos no 1er arrondissement, pont des arts. 

O rio fica tomado de cores de açúcar mascavado. e mesmo assim se espelha. vale a pena perguntar quem somos – aquela pessoa nele reflectida? ou aqui, devemos  esperar  que o seu sentido varie no tempo e que a imagem siga na corrente alternada.

A chave do amor lançada ao sena não (a)pagará senão esta romântica cena.  enquanto esse metal corre na corrente, na rede, no (en)cadeado onde esta promessa se prende ficará a enferrujar, às mudanças nas estações ou intempéries das relações dos corações, cuore, couers, corazóns & hearts. mas assim creio não darás um passo (em falso) na iminência da ponte cair com o peso de todas estas paixões.

Aqui, esperamos que sigam o seu desperdício na corrente contínua. num tempo em que se acumulam as datas dos dias marcados por tantos tipos de violência perpetrada em nome de coisas tão antigas e que ainda assim continuam incompreensíveis.

Acendemos as velas cuja luz não chega para alumiar na escuridão devastadora que perpassa. Sem querermos cair num discurso apocalíptico já demasiado explorado, é certo que cada vez mais a paz  precisa de uma oportunidade.

Amamo-nos num luxo de clichés: rosas, champagne,  piaf, e  Casablanca (‘we’ll always have Paris’) na tv  cabo do hostel da rue mazarine. c’est la vie….